• Simone Mior

Nada será como antes. Você está preparado?


Numa transição você vai de um ponto até outro ponto, ok? Estamos dentro de uma transição, só que essa é planetária. Algo jamais vivido, por isso, ainda não conhecido da humanidade. É um momento de final de gestação, onde a Terra está parindo uma Nova Terra. Nada mais será como antes! Toda a energia conhecida pela humanidade deixará de existir, pois aquilo que o Sol, nossa fonte energética, nos trará daqui em diante, não será mais na mesma vibração conhecida. E, entramos no ano solar em março.

Atualmente estamos vivendo na terceira dimensão, e vivenciando o movimento para um Salto Quântico da nossa casa planetária. A Terra está adentrando uma oitava dimensional acima e ingressando na Quinta Dimensão. Há um alargamento do nível de consciência humana com esse Evento. Enquanto a terceira dimensão tem uma vibração mais densa, na quinta dimensão tudo é mais sutil.

Desde o final de 2012, quando a Terra e todo o Sistema Solar entrou definitivamente no Cinturão de Fótons , as mudanças por aqui se aceleraram de tal forma, que a cada dia, corresponde a centenas ou milhares de anos em relação aos tempos idos.

A Transição Planetária será doce e suave para aqueles que se determinarem a entrar no fluxo das mudanças. Porém, será amarga e dolorosa para os que resistirem às mesmas. Também será mais dura para aos que se apegam em demasia às coisas materiais, já que na Nova Terra tudo será mais sutil, isto é, menos denso, menos material.

De certo modo, talvez possamos dizer que 2012 foi o ponta pé dessa transição. Lembram do calendário maia? Que previa o fim do mundo? A maioria das pessoas imaginou que isso aconteceria de modo cinematográfico, assim como nos filmes, que em questão de horas tudo estaria acabado. Mas não é assim que acontece. É um processo. Uma transição. E há informações que esse processo irá até 2026. Então a humanidade viverá muita coisa ainda.

Além do calendário maia, temos ainda a data limite de Chico Xavier, previsões de médiuns, avisos de entidades, recados de Orixás, trabalho de mensageiros, e outros. Só não vê e ouve quem não quer. Sem contar as passagens bíblicas. Os sinais e recados estão por todas as partes.

Quantos portais ocorreram nestes últimos anos? Quantos eclipses? Quantos fenômenos “estranhos” foram vistos no céu? O universo se comunica conosco de modo sutil, oculto e misterioso. Seus movimentos acontecem em uma velocidade e tempo diferente do que conhecemos enquanto humanos. Por isso, muitos de nos, ainda não estão percebendo as mudanças que estão acontecendo. Esse não perceber a mudança é uma escolha, faz parte do livre arbítrio.

A tempos vem se dizendo que o Brasil será o “berço” da cura planetária. Porque ao que tudo indica, é aqui que está ocorrendo o despertar de modo mais acentuado de consciência. São muitas pessoas, nas mais deferentes linhas de ação que já veem a alguns anos fazendo esse trabalho, desde a física quântica, a linha da espiritualidade e no misticismo, esoterismo, astrologia, astronomia, e outras.

Cada um a seu modo, mas as falas são para que nos foquemos em orar, em vibrar para a cura, elevar a nossa frequência, buscar a verticalização, praticar o amor genoíno, a compaixão, o não julgamento, o respeito, e não só com o próximo, mas com a natureza, com o universo. Praticar, vivenciar a civilidade. Realizar o perdão e o auto perdão. Limpar sua alma. Fazer a auto cura, primeiro curar a si, para poder cuidar do outro. Devemos vibrar no amor, na gratidão, na benevolência, na coragem, na confiança, na fé, elevar a vibração e a frequência.

O chamado e as oportunidades de acesso a informação, ao despertar estão ai disponíveis. Quantos trabalhadores de luz surgiram ou assumiram seu papel nos últimos tempos? Não acessar essas informações é uma escolha. Por mais que exista uma matrix, dissiminando o medo, manipulando as mídias, o consumo, as relações, a sociedade. Os avisos de que tudo isso estaria acontecendo, ou de que pelo menos algo assim aconteceria foram dados. Estão ai para quem quiser ver.

No momento atual, tenho feito uma metáfora. Imagine um bolo confeitado. Cheio de camadas e detalhes. A situação atual de pandemia é a cereja do bolo. Ou seja, um detalhe, um elemento. Ainda não acordamos, de modo geral, para olhar tudo que compõe o bolo.

Chegou o momento da separação do joio do trigo; das mudanças de quem detém o poder; da luta entre o bem e o mal, literalmente. O mundo não será mais o mesmo.

Basta você pesquisar um pouco, ler, ouvir olhar as informações que existem na internet, em livros e outros materiais sobre transição planetária. Fica o convite para você fazer a sua própria pesquisa, para começar o seu despertar, para você buscar as informações e tirar suas próprias reflexões e decisões de como se portar diante de tudo isso.

#Transição #Mudança #Saltoquântico #QuintaDimensão

0 visualização
  • Facebook
  • Instagram

Simone Mior
Espaço Terapêutico

Runas da Praia
Rua 401, 45 Sl. 01
Centro - Balneário Camboriú - SC

(47) 99914-8052 .